MusicEtiqueta

A primeira exposição no Brasil do artista mexicano Manuel Solano apresentará uma série de trabalhos recentes inspirados na estética dos shopping centers, criados a partir das lembranças da juventude do artista. A mostra tem curadoria  de João Mourão e Luís Silva, co-diretores da instituição portuguesa Kunsthalle Lissabon (Lisboa).

Entre tantos aspectos da revolução cultural das primeiras décadas do século XX, aqui nos interessa a arte que informa o cotidiano e põe a vida doméstica em sintonia com a grande onda de modernização da sociedade. Vale lembrar que a criação de ambientes e objetos de linhas “modernas” iniciada nesse período está na origem do que hoje entendemos como “design

A exposição enfatiza a atuação singular do artista John Graz (Genebra, 1891 — São Paulo, 1980) nas artes decorativas no Brasil. O conjunto de obras doado pelo Instituto John Graz à Pinacoteca de São Paulo será o núcleo central

Vuadora reunirá pela primeira vez em uma instituição brasileira um grande apanhado da produção de Paulo Nazareth, um dos artistas mais importantes de sua geração. A mostra, com curadoria de Fernanda Brenner e Diane Lima, apresentará uma combinação de trabalhos icônicos das últimas duas décadas – como as séries Cadernos de África e a coleção Produtos do Genocídio – e obras especialmente comissionadas para a ocasião.

O MIS Experience, instituição da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo localizado no bairro da Água Branca, reabre para visitação presencial no sábado 13 de fevereiro de 2021.

“O campo denota uma instância ou âmbito, e efêmero significa um momento breve, transitório ou fugaz”, explica o pintor abstrato Daniel Mullen, conhecido por seus jogos geométricos de ilusão de ótica, perspectiva espacial e luz, referindo-se aos múltiplos horizontes presentes em suas pinturas atuais. O conjunto das obras da exposição individual “Campos efêmeros”, do artista de Glasgow, parte da pergunta

Registro

já tem uma conta?